Douro Valley - Voltar ao Início
InglêsCastellano
InícioGeralAtrativosVinho do Porto

Vinho do Porto

Vinho do Porto: a preciosa bebida proveniente das videiras edificadas nos socalcos das terras durienses. A sua fama inabalável, a sua história profunda e as suas características únicas, fazem deste um dos vinhos mais desejados do mundo. Independentemente do seu estilo, ninguém fica indiferente a um cálice de vinho do Porto, muito menos com o Douro como paisagem de fundo.

Barcos rabelos e a cidade do Porto como pano de fundo | © Cida GarciaVinho do Porto armazenado nas caves | © Celestino ManuelTeleférico de Gaia sobrevoa as Caves de Vinho do Porto | © Cida GarciaVinhas das Caves Ferreira | © Museu do DouroCaves Offley | © Melanie AntunesVisitantes nas Caves de Vinho do Porto | © Melanie AntunesCaves sinalizadas | © Cida GarciaCaves Offley | © Melanie AntunesRuelas entre as Caves do Vinho do Porto | © Cida GarciaVinho do Porto Branco e Ruby | © Melanie AntunesA caminho das Caves | © Melanie AntunesVila Nova de Gaia | © Cida GarciaCaves Ferreira | © Melanie AntunesPorto Tawny de 2011 armazenado | © Melanie AntunesPorto e rio Douro | © Cida GarciaInterior das Caves do Porto | © Celestino ManuelVisitantes aguardam visita às caves | © Melanie AntunesEmbarcação chega ao Cais de Gaia | © Cida GarciaTonél com vinho | © Celestino Manuel

Sugestões
Veja Pontos de Interesse relacionados:
Caves de Vinho do Porto, Quintas
Com uma personalidade forte e distinta, o vinho do Porto sempre foi associado a ilustres figuras e acontecimentos históricos. Foi bebido pelo Duque de Wellington, antes e após a batalha de Waterloo (1815), na Bélgica; foi levado para o Brasil, por Gago Coutinho e Sacadura Cabral, na primeira travessia aérea do Atlântico Sul (1922), entre Lisboa e Rio de Janeiro. No século XVIII era muito apreciado pela imperatriz russa Catarina, continuando a fazer parte de várias cortes, como é o caso da atual realeza britânica.

O vinho do Porto adquire características distintas devido às condições únicas em que é cultivado, quer a nível climático, quer em termos da qualidade do solo. Além disso, ao contrário dos outros vinhos durienses, a sua fermentação é interrompida, para que seja adicionada aguardente vínica, conferindo-lhe mais ou menos doçura, consoante o tempo de paragem. O seu armazenamento e o tempo de envelhecimento são também fatores que o tornam num vinho inigualável.

Ao beber um cálice de vinho do Porto sentimos um aroma intenso e um sabor ou adocicado ou seco. A sua cor varia consoante a sua idade, adquirindo tonalidades mais fortes à medida que os anos de envelhecimento avançam. É um vinho com elevado teor alcoólico, entre os 19 e os 22% vol.

O vinho do Porto também pode ser Branco (leve ou seco), com um teor alcoólico menor (mínimo de 16,5%), ou Rosé. Este vinho de cor rosada é obtido através da maceração pouco intensa das uvas tintas, impedindo a oxidação das mesmas. São vinhos exuberantes, que devem ser bebidos enquanto novos e frescos, podendo ser misturados em cocktails.

O vinho do Porto divide-se em dois estilos: Ruby e Tawny. Os primeiros conservam-se em garrafa, mantendo a cor tinta, o aroma frutado e o vigor dos vinhos jovens. Os segundos envelhecem em cascos ou tonéis, apresentando variações de cor e um aroma a frutos secos e a madeira.

Além do Porto Ruby standard, existe o Ruby de Reserva, que resulta da seleção dos melhores vinhos de cada ano, combinados para criar um vinho jovem e poderoso. O Porto Late Bottled Vintage (LBV) é um vinho de elevada qualidade, engarrafado após quatro a seis anos de envelhecimento, estando pronto a consumir na altura da compra. O Porto Vintage é dos mais apreciados, sendo o único que amadurece em garrafa, entre 10 a 50 anos. É um vinho de um só ano, engarrafado dois a três anos após a colheita. A sua cor e o seu sabor evoluem com o passar dos anos, tornando-se um vinho mais encorpado. O Porto Single Quinta Vintage é um vinho de topo, pelo facto de ser de um só ano e originário de uma única vinha.

O Porto Tawny standard é envelhecido em vasilhas de madeira, adquirindo uma cor alourada. O de Reserva é maturado em madeira de carvalho, tendo um aroma frutado, embora mais robusto que o seu vinho inferior. Existem, ainda, o Porto Tawny 10 anos, 20 anos, 30 anos e 40 anos, cujas características vão-se alterando consoante o período de envelhecimento. À medida que os anos passam os vinhos vão ficando mais intensos, complexos, com aromas e sabores mais profundos como baunilha, avelãs, alperces secos e mel. O Porto Colheita é um Tawny de uma só colheita, também envelhecido em cascos, com características que se alteram ao longo dos anos, originando diferentes gamas.

O vinho do Porto pode, também, ser Crusted, tendo uma peculiaridade que leva à formação de uma crosta na parede da garrafa onde será envelhecido durante três anos, no mínimo.

Com uma grande diversidade de aromas, sabores e preços, os vinhos do Porto seduzem qualquer apreciador destes vinhos fortificados, que proporcionam experiências sensoriais únicas.

Clique para Maximizar

abrir mapa

Fechar
A minha Viagem
Filtro de Conteúdos
© Douro Valley 2011 | Todos os direitos reservados